Publicado em Deixe um comentário

Aminoácidos Essenciais: Quais São E Qual A Importância De Sua Ingestão

5 agosto 2021
Aminoácidos Essenciais: Quais São E Qual A Importância De Sua Ingestão
Postado por Mateus Kurek Pagliosa
Aminoácidos Essenciais Quais São E Qual A Importância De Sua Ingestão Capa

Aminoácidos essenciais são compostos orgânicos que precisam ser ingeridos por meio de alimentos ou suplementos, pois o corpo não consegue os produzir por conta própria. São fundamentais para a formação de proteínas e desempenham papéis cruciais para o funcionamento do organismo, como a construção de tecidos, produção de hormônios, enzimas e anticorpos, controle emocional e mais.

A seguir, detalhamos quais são os aminoácidos essenciais e qual a importância de sua ingestão em todas as fases da vida.

Confira!

A Diferença Entre Aminoácidos Essenciais E Não Essenciais

A diferença entre aminoácidos essenciais e não essenciais

Os aminoácidos são compostos fundamentais para a saúde e podem ser considerados blocos de construção das proteínas que beneficiam a formação de tecidos conjuntivos e estruturais, a regulação hormonal, processos metabólicos, formação de enzimas e imunidade.

Os aminoácidos são constituídos por moléculas orgânicas de pequena dimensão, que não precisam ser quebradas pelo organismo para serem assimiladas. Quimicamente, são formados por carbono, hidrogênio, oxigênio e nitrogênio, sendo que alguns também contam com fósforo e enxofre em sua estrutura.

Para a saúde humana, 20 são os aminoácidos necessários para que o organismo funcione adequadamente, os quais podem ser classificados de duas maneiras: essenciais ou não essenciais. Os aminoácidos não essenciais são aqueles sintetizados pelo corpo naturalmente, enquanto os aminoácidos essenciais precisam ser obtidos de fontes externas, sejam alimentos ou suplementos naturais.

A Importância Dos Aminoácidos Essenciais

Dos 20 aminoácidos mencionados, 8 são aminoácidos essenciais. No entanto, é importante entender que alguns aminoácidos não essenciais podem passar à condição de aminoácidos condicionalmente essenciais devido a problemas como supressão do sistema imunológico, patologias e desequilíbrios como os gerados pelo estresse crônico.

A ingestão de aminoácidos essenciais é imprescindível, já que eles estão envolvidos em quase todos os processos biológicos do corpo. Dentre eles, podemos destacar a formação, manutenção e regeneração dos tecidos e das células, para a produção de hormônios, anticorpos e células vermelhas, controle emocional, qualidade do sono e até mesmo para um aporte nutritivo que garanta a saciedade prolongada.

A carência de aminoácidos essenciais pode comprometer a saúde de maneira geral, prejudicando a manutenção de massa magra, as defesas naturais promovidas pelo sistema imunológico, o equilíbrio hormonal, funções cerebrais e outras funções vitais.

Quais São Os 8 Aminoácidos Essenciais?

Quais são os 8 aminoácidos essenciais

Confira a seguir alguns dos principais papéis de cada aminoácido no organismo:

 

Lisina: atua no crescimento e manutenção de tecidos, regula a produção de óxido nítrico, produção hormonal e formação de proteínas e enzimas.

Leucina: necessária para formar proteínas, favorece a cicatrização, ajuda na regulação dos níveis de açúcar no sangue e do metabolismo.

Isoleucina: atua na formação da glutamina e alanina, contribui com o desenvolvimento e reparo muscular, favorece a eliminação de toxinas, otimiza a função imunológica e a excreção hormonal.

Triptofano: ajuda a regular o humor, o apetite e a qualidade do sono, pois eleva os níveis de serotonina.

Fenilalanina: favorece a capacidade e equilíbrio mental e colabora com a produção de outros aminoácidos e neurotransmissores como dopamina e norepinefrina.

Treonina: realiza a síntese de glicina, forma proteínas que são base de tecidos conjuntivos, como o colágeno e a elastina, ajuda na manutenção e funcionamento do intestino.

Valina: auxilia a síntese de outros aminoácidos, apoia funções cerebrais, como a coordenação e o equilíbrio emocional.

Metionina: auxilia na elasticidade da pele e fortalece os cabelos e as unhas, e é precursora da cisteína, a qual é importante para a ação antioxidante natural.

Fontes De Aminoácidos Essenciais

Fontes de aminoácidos essenciais

Para garantir uma boa variedade de aminoácidos essenciais, é importante variar os alimentos que compõem a dieta, sem esquecer das necessidades particulares do organismo.

Pessoas mais velhas ou que sofrem de doenças crônicas, por exemplo, precisam de um maior aporte proteico diariamente. Enquanto isso, aqueles que optam por uma dieta livre de alimentos de origem animal, também precisam adaptar sua rotina alimentar para que não sofram com a deficiência de aminoácidos e suas complicações.

Vale destacar que, mesmo que algumas proteínas de origem vegetal sejam categorizadas como incompletas, a combinação de alimentos pode prover uma quantidade ideal de aminoácidos essenciais. No entanto, é sempre interessante avaliar se determinados alimentos são bem digeridos e assimilados pelo corpo, como é o caso do feijão, que para tantas pessoas causa desconforto gástrico e pode comprometer a eficiência digestiva.

Confira uma lista com ótimas opções de alimentos ricos em aminoácidos essenciais para compor e variar suas refeições: 

  • Carnes de animais criados soltos: gado, cordeiro, frango, salmão selvagem, atum, sardinha
  • Ovos caipiras
  • Lácteos: leite, iogurte, queijo
  • Leguminosas: lentilha, feijão e ervilha
  • Grãos integrais: quinoa, aveia, amaranto, arroz integral
  • Nozes: amêndoas, nozes, pistache
  • Sementes: sementes de linhaça, sementes de abóbora, sementes de chia

Além de alimentos, suplementos limpos e de procedência segura são opções práticas e eficientes para garantir os níveis adequados de aminoácidos essenciais. Alguns suplementos como levedura nutricional, proteínas veganas em pó, Whey Protein, colágenos são excelentes para compor estratégias nutricionais práticas e com sabor. Além destes, os próprios aminoácidos essenciais concentrados em cápsulas também auxiliam uma nutrição equilibrada.

Vale destacar a importância do acompanhamento de nutricionista, médico ou outro profissional capacitado  para que a ingestão de aminoácidos essenciais seja feita de maneira adequada e segura, respeitando as características individuais de cada organismo.

Considerações Finais

Garantir o aporte adequado de aminoácidos essenciais por meio da alimentação ou suplementação é extremamente importante para o equilíbrio e o funcionamento do organismo, já que estes compostos orgânicos são a base de construção das proteínas e beneficiam funções vitais distintas e complementares.

Clique aqui para conferir mais matérias especiais em nosso blog!

Até a próxima!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *